Setor imobiliário se recupera em 2017

Após um longo período em crise e com queda nas vendas, o mercado imobiliário começa a se recuperar em 2017. No primeiro trimestre do ano, houve a melhoria de alguns indicadores econômicos, dentre eles a queda da taxa básica de juros (Selic), e o aumento do Produto Interno Bruto (PIB), com alta de 1% se comparado ao último trimestre de 2016.

O ministro da Fazenda Henrique Meirelles disse no dia primeiro de junho que o país viveu um “dia histórico”. “Depois de dois anos, o Brasil saiu da pior recessão do século”, afirmou o ministro em nota oficial.

Os dados indicam o início da recuperação da economia. “Ainda há um caminho a ser percorrido para alcançarmos a plena recuperação econômica, mas estamos na direção correta”, completou o ministro.

Os financiamentos concedidos pelos bancos para compra e construção de imóveis no primeiro trimestre deste ano, são maiores do que se comparados ao mesmo período do ano passado.

Mas como anda o mercado no interior de São Paulo? A Guia Cenário conversou com a corretora de imóveis Letícia Vanini que afirmou que houve mesmo uma melhora bastante significativa. “Podemos dizer que os clientes estão bastante motivados com a melhora, porém estão mais exigentes na pesquisa para investimentos”, comenta Letícia.

Segundo a corretora, “as taxas continuam as mesmas, não tivemos muita alteração. O que muda muito hoje é o valor da entrada. Antigamente era uma regra 10 ou 20% dependendo da forma que iria financiar e renda. Hoje a entrada está ligada ao famoso SCORE (é nota que define se a pessoa será um bom pagador ou não, internamente nos bancos). Fora isso, também depende da renda comprovada, todas essas informações irá nos mostrar a taxa de juros, valor de entrada e parcelas”. As locações também impulsionaram a melhora no setor. “Locação sempre movimentou bem a região porque temos bastante empresas, afinal recebemos muitas famílias de fora que vem pra cá para trabalhar”, comenta. Outro ponto facilitador para esta melhora foram as permutas com imóveis usados. Porém, a procura maior nesse período ainda foi de terrenos e apartamentos, por conta da facilidade de pagamento.

O mercado imobiliário começa a se recuperar e muitos já estão motivados. “Estou super confiante! Com certeza teremos uma melhora significativa nesse segundo semestre!”, finaliza Letícia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: